Publicado em segunda-feira, 23 de abril de 2018, às 18h10 – Atualizado em 23/04/2018 21:24:00
Em sessão realizada na sede do Tribunal de Justiça Desportiva do Estado de São Paulo nesta segunda-feira (23), por decisão do auditor Marcelo Monteiro, o orgão arquivou o processo impetrado pela Sociedade Esportiva Palmeiras diante dos fatos ocorridos na decisão do Paulistão Itaipava 2018.

Na ocasião, o árbitro Marcelo Aparecido Ribeiro de Souza voltou atrás na marcação de um pênalti para o Palmeiras. O clube entendeu que houve interferência externa, algo que, segundo o tribunal, não ficou provado após os depoimentos colhidos na segunda-feira anterior (16).

ACESSE MAIS NOTÍCIAS >>

happy wheels 2 demo

Categoria: